Ganhar resistência nas pernas e no seu físico em geral, para pedalar mais e melhor, exige variar nos treinamentos. Nesse sentido, o treino de força na bike tem um leque grande de tipos de pedal, para trazer o máximo desempenho nos piores terrenos. E do local reto à subida mais íngreme, você sentirá a diferença quando começar a praticar.

Seja para competir ou mesmo melhorar a sua resistência física, a fim de encarar cicloviagens e pedais longões, os treinos de força são necessários. Eles garantem uma alta adaptação do corpo para pedalar em locais difíceis e por muito tempo.

Portanto, na hora dar o seu giro além, seja no mountain bike ou no ciclismo de estrada, ou mesmo para quem quer sair das ruas e ir às estradas e trilhas, faça um bom treino de força. E neste post, você irá aprender a fazer vários deles!

Fazer treino de força na bike, contra o vento

Ir contra algo que te impede de avançar é um desafio em qualquer área. No ciclismo, essa “barreira” mais famosa é o vento. E, acredite, ele faz com que você pedale bem mais devagar quando está na direção oposta dele.

No entanto, um dos segredos de como fazer treino de força na bike, é usar justamente essa força invisível, para ganhar mais performance.

Para fazer treinos desse tipo, escolha locais em que o vento seja sempre forte, e que o terreno tenha uma grande distância, de preferência, sem curvas e subidas. A tática de usar o vento contra é pedalar contra sua direção, por tempos médios a longos.

Escolha bem os óculos, feche a boca e prepare a garrafa de água para recarregar o líquido do suor. E não vá além dos seus limites.

Pedalar em marchas pesadas por mais tempo

Tem gente que sempre gosta de pedalar em alta velocidade, mas, logo se cansa, pois fica na marcha bem pesada e não consegue dar conta dela. Mas, usar essa estratégia de colocar na pesadona é ideal para como fazer treino de força na bike.

O importante nesse modelo de treino é escolher uma marcha pesada, mas, que não seja tão acima das marchas em que você esteja acostumado a pedalar. Então, coloque em no máximo 2 engrenagens acima da sua marcha mais habitual.

Escolha percursos com retas gigantes, como estradas e estradões de terra, dê marchas e vá embora. Também, não faça tanta força na bike a fim de ganhar velocidade, mas, sim, em ficar em um ritmo constante, para fortalecer seu corpo.

Fazer treino de força na bike, speedCréditos: Unsplash

Encarar subidas longas e pouco íngremes

O subidão tem seu espaço sempre em como fazer treino de força na bike. As subidas são mais do que necessárias em qualquer treino que envolva ganhar resistência, e devem ser exploradas ao seu limite.

Você pode até escolher subidas que sejam bastante íngremes, mas, ao mesmo tempo, curtas. Isso dará um bom reforço as suas pernas, para enfrentar ladeiras e provas curtas.

Porém, no jogo de como fazer treino de força na bike, vá pelo caminho das subidas grandes e menos íngremes. Elas são mais difíceis de vencer no quesito tamanho, por isso, vão testar os seus limites e ver se você chegará ao topo mesmo.

Logo, não hesite em escolher aquelas subidas de mais de 1 quilômetro, e que sejam moderadas o suficiente, para ir devagar e sempre.

Praticar treinos longos

No assunto de como ganhar mais força para pedalar, os treinos longos são aliados perfeitos. Esse estilo de treinamento não tem uma regra específica além de ser longo. Então, ele é versátil a ponto de deixar você fazer o seu roteiro à vontade.

Tudo o que é preciso para manter o treino longo na bike, é escolher um ponto de chegada distante e traçar uma rota segura e longe de muitos carros. A ideia é fazer você seguir um ritmo mais constante no trajeto, mesmo se tiver subidas.

Manter uma marcha mais intermediária e que ofereça tanto cadência quanto força, de você, fará desse treino bem proveitoso.

No mais, como fazer treino de força na bike, como esse, exige muita disposição, logo, alimente-se e hidrate-se bem. E faça poucos treinos do tipo durante o mês, já que ele consome muito mais tempo, energia e período de descanso depois.

Testar treinos intervalados

Os treinos intervalados são feitos da combinação de vários tipos de treinos em um só. E isso exige boa disciplina e coordenação para manter os tempos de cada bloco de treinamento na medida certa.

Basicamente, os treinos intervalados se dividem em pedalar em alto ritmo, descansar girando, e voltar a pedalar forte. Essa “regra de 3” funciona para acostumar os seus músculos e, especialmente, o seu coração, a altas exigências de energia e respiração.

Aqui temos um post exclusivo sobre o assunto para você conferir como se faz um treino intervalado de alta performance, para trazer grandes resultados.

Carregar peso na bike

Esse não é um treinamento tão convencional como os outros, no quesito de como fazer treino de força na bike. Contudo, ele vai te trazer bons ganhos de potência para qualquer pedal.

A ideia desse treino é colocar peso na bicicleta, como se fosse viajar. Para isso, é legal contar com bolsas, alforjes e, claro, um bagageiro resistente. Esse combo é para colocar os pesos e levá-los junto com você.

Pode preparar um kit de coisas pesadas, como madeira, ou mesmo levar várias garrafas d’água congeladas na bike. Isso parece loucura, mas, no último caso, além de exigirem sua força, são um bom estoque de líquido.

Não há um peso mínimo para colocar na bike, enquanto o máximo deve ser o quanto a sua bicicleta pode suportar, de acordo com o fabricante, da relação peso da bike + peso do ciclista.

Pedalar com 10kg a mais na bike, encarar subidas gigantes, correr por estradas em marchas pesadas. Estes são alguns dos jeitos de como fazer treino de força na bike, para nenhuma perna colocar defeito. O resultado virá depois, com muita performance.

Aprenda mais dicas de treino, alimentação, peças de bike e novidades do mercado do ciclismo, em nosso Facebook, Instagram, YouTube e Twitter!

seguro de bike