O downhill é uma das modalidades mais antigas da mountain bike e consiste em descer o mais rápido possível um percurso com inúmeras irregularidades ou obstáculos. Por isso, a bike de downhill tem que ser capaz de oferecer segurança para manobras radicais, percursos técnicos, velocidade e adrenalina.

Se você quer começar a praticar o downhill, mas não sabe exatamente como escolher a bike certa, este conteúdo é pra você. Siga a leitura e veja as dicas essenciais!

bike de downhill

Crédito da imagem: trekbikes.com

As principais características da bike de Downhill

A bike de Downhill é um pouco diferente das demais bicicletas de MTB, já que a modalidade tem exigências próprias e mais radicais. A primeira característica importante que essa bicicleta deve ter é a leveza, uma vez que você precisará ter velocidade e controle.

É por isso, que a maioria das bikes da modalidade são produzidas em fibra de carbono e pesam entre 16 e 23 kg.

Quadros

Outra diferença importante está no quadro da bike de downhill. Ele deve ser resistente, reforçado e leve. Como essa bicicleta, nos modelos iniciantes, tem uma suspensão frontal mais alta, o quadro possui uma certa inclinação para trás, o que também é uma ajuda interessante para a realização de várias manobras.

A geometria desses quadros é diferente, principalmente com a caixa de direção mais inclinada, trazendo mais segurança para o ciclista e favorecendo o trabalho da suspensão.

Muitas bikes de downhill também tem o quadro reclinado – e isso é importante quando você for comprar uma suspensão, garantindo que ela seja compatível com o quadro escolhido.

Na hora de montar a sua bike, é ideal comprar um quadro específico de downhill.

Suspensão

A maioria das bikes de downhill são full suspension, ou seja, têm suspensão na parte da frente e de trás. Isso é importante para conferir mais conforto ao ciclista e um controle mais preciso da bicicleta.

Mas se você está começando agora na modalidade, pode optar por uma versão mais simples, apenas com suspensão frontal (bike rígida) e, depois, ir migrando para o modelo full suspension (que também é mais caro).

Freios

Os freios de uma bike de downhill são importantíssimos, pois determinam o sucesso e a segurança de um ciclista em uma prova. Os mais comuns são os freios V-Brake, pois são mais acessíveis e equipam a maioria das bikes de entrada. Porém, eles não são tão eficazes, já que não oferecem precisão na frenagem.

Por isso, para uma bike de downhill, o mais recomendado é o freio hidráulico, embora tenha um custo mais elevado. Nesse sistema, você precisará de pouca força para fazer a frenagem – e a bike obedecerá imediatamente os seus comandos, trazendo mais segurança.

Pneus

O mais importante nos pneus para downhill é o composto. Prefira por um material de qualidade que segure bem na terra, na pedra e em diferentes ambientes. Se você só pode comprar um pneu bom, coloque-o na frente.

De uma forma geral, os pneus de downhill são aqueles acima de 2.1, geralmente de 2.35 a 2.50 e com cravos. Um pneu slick ou muito fino escorregará mais facilmente, causando quedas.

Então, opte por um modelo mais largo e com uma borracha mais macia, porque você precisará de mais resistência e aderência – mas tudo depende das características do local onde você irá pedalar.

Muitas marcas trabalham com pneu específico para downhill, vale a pena investir neles.

Outras dicas

Além dessas, separamos algumas dicas importantes para uma bike de downhill:

  • nunca use um cubo de rosca, sempre prefira o cubo cassete, que é bem mais resistente;
  • para montar uma bike, prefira câmbios de cage curto (por exemplo um Shimano Claris ou Shimano Sora, ideais para bikes de entrada). O cage curto fica mais longe das pedras e dos obstáculos da pista;
  • use uma cassete menor, porque você está usando um câmbio de cage curto (tipo um 11-32);
  • prefira uma pedivela com uma coroa só e com um guia de corrente (para evitar as quedas da corrente);
  • coroas muito grandes podem ficar mais pesadas e mais perto do chão na hora das manobras, as coroas menores são mais leves, porém você não terá marchas muito pesadas na hora de pedalar rápido, por isso prefira coroas com uma média de 36 dentes;
  • use manoplas com punho de trava;
  • prefira guidões mais largos para ter mais controle e estabilidade da bike (750, 780 ou até 800 mm);
  • para quem já utiliza o pedal de clip na MTB, pode mantê-lo na bike de downhill, mas se você nunca andou com pedal de clip, prefira um pedal flat com bastante garras;
  • quem está começando, precisa investir em um aro mais forte (não foque tanto em peso), porque é normal no início errar a distância e a velocidade dos saltos, depois pode partir para um aro mais leve. Uma sugestão é o Vmaxx. Sempre busque aros e cassetes compatíveis;
  • prefira um banco que não seja muito largo, para não atrapalhar os movimentos.

Cuidados antes de comprar sua bike de downhill

Antes de comprar uma bike de downhill, é importante tomar alguns cuidados. Em algumas situações, vale mais a pena investir em uma bike usada, mas montada para a modalidade, do que optar por bicicletas prontas, que não atendem todas as necessidades dos ciclistas que praticam downhill.

Algumas sugestões são:

  • cuidado com os quadros com mola no meio, pois geralmente essas suspensões não funcionam e com o tempo podem dar problema;
  • evite as bikes aro 29 que não são indicadas para downhill (até existem modelos assim para downhill, mas elas são muito raras no Brasil e com preços elevados);
  • analise os freios da bike, preferindo sempre os hidráulicos;
  • veja qual é a marca e o modelo da suspensão, que será bem utilizada, garantindo que ela está de acordo com o seu nível e exigência. Para bicicletas usadas, confira o estado da suspensão;
  • algumas bikes são encontradas em valores mais baixos, porém elas não têm marcha. Confira se a bicicleta vem ou não equipada com marcha (pois se vier sem e você quiser incluir, terá que gastar mais comprando os equipamentos).

Depois de todas essas dicas, ficou mais fácil montar ou comprar a sua bike de downhill? Coloque nossos ensinamentos em prática: visite o classificados Bike Registrada e encontre sua próxima magrela!

seguro de bike