Esporte e FitnessRoubo de bike

7 maneiras de evitar o roubo de bicicletas enquanto pedala

As bicicletas são um excelente meio de transporte por trazerem dinamismo, ecologia, sustentabilidade, economia e saúde para a rotina. Mas por serem leves e práticas, as bikes precisam de um cuidado especial na hora de usufruí-las pela cidade. Fique atento a essas 7 maneiras de evitar o roubo de bicicletas enquanto pedala e curta o pedal de verdade.

1 – Não fique perdido: planeje o melhor trajeto.

Utilize o google maps, por exemplo, para traçar a rota que vai percorrer e busque os locais de maior movimentação e segurança. Fique de olho caso haja zonas de risco e mude a rota se for necessário. Prefira pedalar em áreas sinalizadas, especiais para ciclistas ou avenidas.  

Mesmo se precisar cruzar regiões instáveis, concentre-se no seu pedal e esteja confiante para cruzar o caminho. Não hesite, continue no foco. Esteja com presença plena para tomar as melhores decisões. 

Caso anoiteça, procure áreas bem iluminadas e movimentadas para estacionar a bike. Quanto mais forte for o cadeado, mais segurança. Evite os locais escuros, estreitos e sem vida. Vamos evitar o roubo de bicicletas enquanto pedalamos! Para andar com mais segurança, confira essas dicas para pedalar sozinho, sem medo e com segurança

2 – Não caia na rotina: Evite parar a bicicleta no mesmo lugar todos os dias.

 

Dica de ouro: Exercite a sua mente e siga por caminhos diferentes. Dificulte o trabalho de qualquer má intenção com você. Além de impedir que os ladrões observem sua rotina e suas ferramentas e arquitetem um roubo, você também melhora sua agilidade, sua memória e ainda os despista. Horários diferentes são ideias excelentes para te manter alerta e invisível aos \”olhos alheios\”.

 

Os bicicletários em formato de ‘U’ invertido – com as duas pontas fixadas no chão, por exemplo, são os mais recomendados. Eles permitem trancar as duas rodas e também prender o quadro da bicicleta. Confira se está bem preso e se o cadeado está apertado. Assim, evita-se o uso de serras ou alavancas pelo espaço de sobra.

Caso não haja um lugar próprio para bike, procure locais próximos da porta do estabelecimento do destino. Fuja de postes de madeira, árvores muito finas e correntes.

Prefira sempre os locais mais seguros, abertos e bem movimentados.

3 – Camufle sua bike, deixando-a com uma cara menos “desejável”

 

Infelizmente nas cidades devemos tomar mais cuidados com os nossos pertences. Para facilitar o seu trabalho, simplifique o desenho e design da sua bicicleta. Utilize os acessórios de segurança, mas deixe-a o mais comum possível. Alternativas para deixá-la menos atraente são colocar um saco plástico no selim, pintar e colar pedaços de silver tape pelo tubo. Esconder a marca e fazer outras alterações estéticas podem ajudar a evitar o roubo de bicicletas enquanto pedala.

4 – Anote detalhes da sua bike, como o número de série do quadro e outras características particulares. 

Tire fotos dela, isso pode ajudar a encontrá-la em caso de roubo! Tenha o número da série do quadro, como o chassi, que geralmente localiza-se na parte de baixo, perto dos pedais. Tenha o hábito de registrar informações básicas sobre ela e guarde a nota fiscal dos equipamentos envolvidos no projeto. 

 

5 – Leve partes facilmente removíveis com você: selim e rodas são as mais tranquilas de tirar. 

 

Isso mesmo, leve os pedaços do frank-stein com você e garanta o fato de que ninguém mais vai amar sua bike tanto quanto você dessa maneira. Brincadeiras à parte, guardar as partes removíveis como o selim e as rodas, dependendo da circunstância que você estiver, pode ser a melhor maneira de resguardar a sua segurança e do seu aparelho. Zêlo e cuidado nessas horas fazem toda a diferença.

6 – Tranque sua bicicleta também em casa. Muitas bikes são levadas de quintais, jardins e espaços comunitários.  

 

Confie mais na sua atenção com o seu veículo e transporte. Ninguém vai cuidar tão bem quanto você! Prefira guardar a bike em espaços mais exclusivos e reservados, caso tenham alguma supervisão. Mas evite lugares ociosos, como estacionamentos, estações de metrô e ruas sem iluminação.

Se for um espaço familiar, mas comunitário, tranque mesmo assim. Mantenha o hábito para que a segurança se torne natural e mais comum possível no seu dia-a-dia. Garanta a sua mente sem preocupação com o seu objeto.

8 – Mais de uma trava!

Utilize mais de um cadeado e de diferentes formas e modelos. O “u-lock”de 18mm é um dos mais seguros. Pois o ladrão precisaria de, pelos menos, 30 minutos para cerrá-lo. E ainda com a presença de um segundo cadeado, aumenta ainda mais o tempo necessário para se roubar a bike, o que pode fazer o ladrão desistir.

9 – Registre a Bike no Bike Registrada

O ideal é praticar todas as maneiras possíveis e disponíveis para evitar o roubo de bike enquanto pedala. Existem vários serviços gratuitos, fáceis e rápidos de utilizar. Quando você está inscrito neste tipo de serviço, você tem algumas oportunidades e protege, não só o seu direito como consumidor, mas também toda a comunidade de ciclistas. 

Por exemplo, quando há a tentativa de repassar uma bike roubada para alguém. Se você tiver acesso, é liberada a consulta de sua procedência para averiguar se ela é proveniente de roubo ou furto. Isso diminui a facilidade de venda desses veículos pelos ladrões. 

O Selo de Segurança Bike Registrada é uma tecnologia que, além de desestimular a ação dos desonestos, facilita a identificação da bicicleta e do proprietário, reduzindo de forma significativa o risco da compra de uma bike roubada e ajudando na devolução de bicicletas recuperadas. O melhor cenário possível!

Artigos relacionados
Esporte e FitnessPercursos e trilhas

Pedalando no Parque Vila Velha: roteiros incríveis para ciclistas

O Parque Vila Velha, com suas paisagens de tirar o fôlego e trilhas diversificadas, se tornou um…
Leia mais
Esporte e FitnessPercursos e trilhas

Estrada da Graciosa: confira essa incrível rota para pedalar

Dizem por aí que, às vezes, é mais importante o destino que o caminho. Nada mais certo para a…
Leia mais
Esporte e FitnessPercursos e trilhasViagem

Guia completo de pousadas no Caminho da Fé: opções para ciclistas

O Caminho da Fé é uma rota de peregrinação espiritual e física que atrai tanto caminhantes…
Leia mais
Newsletter
Receba  novidades  do Bike Registrada

Receba toda semana matérias  e novidades do Bike Registrada

6 Comentários

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

× Como posso te ajudar?