Se você é do tipo aventureiro e viciado no pedal, sabe que pedalar longas distâncias de bike não é a atividade mais fácil do mundo. É verdade que a experiência é incrível e oferece uma sensação inexplicável, mas exige preparo e cuidados especiais. Então é preciso se preparar.

10km, 20km, 40km, 60km. A cada dia mais, você vai querer pedalar um pouco além do que pedalou na última vez, E isso é um ótimo sinal de que você está evoluindo no pedal. Contudo, chega uma determinada quilometragem que exige muito preparo para encarar, diminuindo todos os riscos que envolvem um treino longo.

Para entender melhor o que você deve fazer para ter sucesso para pedalar longas distâncias de bike, veja 14 dicas que separamos para que o momento seja perfeito. Confira!

1. Alimente-se bem para pedalar longas distâncias de bike

A alimentação tem um papel muito importante no exercício de alta intensidade — principalmente os que têm uma duração maior. No caso de quem vai pedalar longas distâncias de bike, é sempre bom sair de casa bem alimentado e ter algumas opções para repor a energia.

Nesse caso, você pode levar barrinhas de cereal, sanduíches e frutas desidratadas. Vale lembrar de não pegar nada muito pesado, pois pode dar aquela sensação de desconforto. Por outro lado, não comer nada pode dar franqueza e até mesmo comprometer o seu desempenho.

Aposte em opções com carboidratos, pois eles oferecem a energia que seu corpo precisa nesses momentos.

2. Não abra mão da hidratação

Atividades de alto impacto precisam de outro cuidado especial: a reposição de água. Como você transpira muito, precisa sempre repor os líquidos, seja com água ou isotônico.

Os isotônicos podem ser grandes aliados, pois ajudam a repor os sais minerais perdidos durante o exercício e ainda oferecem mais energia para o desafio.

Caso você não tenha esse hábito, se esforce para beber um pouco de água a cada 20 minutos. Bem hidratado e alimentado, você vai sentir o bem-estar que esse tipo de atividade oferece.

3. Aposte em roupas confortáveis

As roupas usadas nesse momento também são muito importantes. Você deve investir em bermudas e blusas leves, de preferência específicas para a prática do ciclismo — lembre-se de procurar as que favorecem a transpiração. Além disso, as roupas íntimas devem ser folgadas e agradáveis também.

Esse detalhe pode parecer bobeira, mas influencia muito na sua pedalada. Há muitos ciclistas que preferem não utilizar roupas íntimas para a pedalada, preferem utilizar apenas as bermudas de ciclismo. Mas, isso fica a seu critério; leve em consideração o que lhe proporcionar maior conforto.

Ainda nesse tópico, não se esqueça de um calçado ideal. Você pode investir em uma sapatilha profissional ou em um tênis resistente que lhe ofereça conforto e segurança para pedalar.

4. Evite carregar grandes volumes

Como vai pedalar longas distâncias de bike, esqueça a ideia de levar uma mochila muito pesada. O ideal seria não levar nada, mas caso precise, leve apenas o que for extremamente necessário.

Existem pequenas bolsas que podem ser afixadas embaixo do banco, muito boas para levar itens como ferramentas, remendos e chaves. Vale a pena dar uma pesquisada.

Depois de horas pedalando, quanto menos pesos estiver carregando, melhor será para seu desempenho, pois carregar peso desnecessário trará desconforto e acabará te desconcentrando. Portanto, aposte em outras opções para carregar seus pertences.

longas distâncias de bike

Créditos: PxHere

5. Leve um protetor solar e repelente

Esses itens são importantíssimos, pois preservam sua pele dos desgastes do sol e ainda dos ataques dos mosquitos — tudo dependendo de onde você vai pedalar. Leve esses produtos com você e não se esqueça de repassá-los de tempos em tempos.

Como você pode perceber, pedalar longas distâncias é ótimo, mas exige preparo. Para não se assustar logo de cara, você pode começar devagar e ir desenvolvendo, mantendo a regularidade e aumentando o ritmo.

E claro: não se esqueça de descansar. Essa atitude pode ser difícil para os viciados, mas preserva os seus músculos e te livra de uma lesão.

6. Treine bastante

Pedalar longas distâncias de bike exige que você tenha antes de qualquer coisa, muito preparo. Por isso, dedique-se por um bom tempo para que o seu organismo e músculos se acostumem a pegar pesado na bike.

Pense como um atleta e faça um treinamento para ganhar resistência, força, equilíbrio, velocidade e desempenho. Crescer com treinos de força, de subidas e de sprints, é o que há; mas cada um em sua hora, sem extrapolar.

Fazendo os treinos certos, incluindo aqueles que são regenerativos ao seu corpo, você ficará bem preparado em alguns meses — só não queira resultados rápidos.

7. Alongue-se antes

Passar várias horas pedalando exige além de corpo preparado, aquecimento para ir do seu ponto de partida ao de chegada, numa boa.

Nesse sentido, os alongamentos são vitais para que os seus músculos fiquem preparados, evitando distensões. Elas acontecem quando o músculo está frio e sofre uma lesão por esforço.

Portanto, na hora de sair para pedalar, alongue-se por, pelo menos, 30 minutos, movimentando todas as áreas do corpo que são exigidas no pedal.

Dependendo da distância do treino, faça pausas e mais uma ou duas sessões de alongamentos, para relaxar o corpo.

8. Tenha um kit remendo

Esse kit é vital para pedalar longas distâncias de bike — e tão importante quanto para encarar trechos menores.

Para não esquecer, o kit remendo deve ter:

  • lixa;
  • par de espátulas para pneus;
  • remendos — cinco ou seis;
  • cola para remendo.

Além deles, a bomba de mão é necessária. Afinal, tem vários lugares que você poderá passar, mesmo dentro de uma grande cidade, que não têm um posto de gasolina por perto.

Além do kit, sempre leve uma ou até duas câmaras reservas, pois dependendo do furo, você vai ter que trocar a câmara. Depois, com calma, em casa ou em uma parada longe, você pode tentar remendar a câmara antiga.

9. Carregue alguns alimentos

Alimentar-se bastante antes de sair para pedalar longas distâncias de bike é crucial para ter energia e encarar vários quilômetros. Contudo, durante o passeio, o estoque de energia vai diminuindo — e quanto maior o ritmo, mais rápido ela acaba.

Para não ter mal-estar, fadiga muscular ou a sua pressão cair durante o longo pedal, você deve comer em alguns momentos. Mesmo que não esteja com fome, pois assim terá sempre energia sem que “o seu corpo avise quando entrar em pane”.

Veja alguns alimentos práticos para levar e que garantem bastante energia para pedalar longas distâncias de bike:

  • batata-doce;
  • amendoim salgado ou sem sal;
  • barrinhas de cereais;
  • mel;
  • rapadura;
  • bebidas isotônicas;
  • carboidrato em gel.

longas distâncias de bike

Créditos: PxHere

10. Reserve uma roupa para frio e chuva

Independente se o seu celular ou a garota do tempo na TV dizem que vai fazer calor, leve algumas roupas de frio e de chuva. Elas são estratégicas e, dependendo aonde você vai pedalar, pode ser que tenha frio ou mesmo garoa.

Pode parecer coisa de vó, mas é a verdade. Em alguns trechos, especialmente quando se fala em pedalar longas distâncias na estrada, a chuva e o vento podem aparecer.

Então, leve um par de manguitos, uma blusa corta-vento, uma capa de chuva compacta e, sempre, um par de óculos — para qualquer clima são essenciais.

Tenha um jogo de roupas de frio e chuva, nos padrões mais leves e compactos de, respectivamente, tecidos e tamanhos. Esse vestuário pode ser levado nos bolsos da camisa de ciclismo ou em uma pequena mochila, sem pesar.

11. Faça o preparo de alguns dias antes

Além do treinamento de vários meses para ficar com o corpo e a mente preparados para pedalar longas distâncias de bike, existe um preparo de poucos dias antes de ir.

Esses tais “dias antes” dependem de quanto o seu treino vai exigir em horas, resistência etc. Mas, no mínimo, de dois a três dias de preparo vão te garantir um rendimento muito melhor, em qualquer pedal longo.

Entre as práticas de preparação dias antes de pedalar longas distâncias, estão:

  • não comer alimentos gordurosos;
  • tomar bastante água;
  • consumir mais carboidratos – massas, pães e similares;
  • ingerir mais proteínas — carnes brancas e vermelhas, sem gordura;
  • dormir bem;
  • não passar por grandes estresses;
  • ter momentos de descanso.

12. Estude a rota, para ter segurança

Impossível fazer um pedal longo sem ao menos conhecer boa parte ou os principais trechos da rota, com segurança. Para isso, apps e sites facilitam a sua vida.

Logo, visite páginas como o Google Maps, além de ver em aplicativos como o Strava, entre outros de ciclismo, para conferir fotos, roteiros e avaliações dos trechos.

Essa “olhada” garantirá muito mais segurança para evitar pegar alguma direção errada, especialmente porque você estará longe.

13. Prepare equipamentos eletrônicos

Os equipamentos de geolocalização, como o GPS e o seu próprio celular, são fundamentais para que o seu pedal de longa distância seja perfeito. Eles te ajudarão a ficar no caminho certo e a corrigir qualquer erro, com rapidez.

Para além desses eletrônicos, ter um ciclocomputador vale a pena, pois, ele marca, entre outros dados, a distância. Além de servir como um apoio ao GPS ou smartphone.

Também, não deixe de ter seu kit de iluminação. Prefira os modelos com carga via USB, pois os carregados à pilha podem ter o problema de a bateria estourar, por causa do calor.

No mais, sempre leve um power bank, cabos e até uma bateria extra, para garantir que você terá energia para usar esses aparelhos e se comunicar quando for preciso.

14. Prepare seus documentos e avise seus familiares e amigos

Leve sempre os seus documentos pessoais, como o RG, carteira de habilitação e cartão de crédito ou débito. Além de dinheiro em espécie, pois dependendo aonde você estiver, para tomar um refrigerante, só mesmo se for à vista.

Não se esqueça de avisar seus parentes e amigos próximos de que você vai pedalar longas distâncias de bike, informandoseguro de bike um pouco do trajeto. É preciso pois, caso você se acidente, eles tenham a informação prévia de lugares em que você talvez esteja.

Os riscos fazem parte de pedalar longas distâncias de bike, portanto, nesse sentido, pense seriamente em fechar um seguro de bike que tenha cobertura para acidentes. Não é que a gente quer te colocar medo, mas essa é a realidade, e se preparar para enfrentá-la é sempre a melhor opção.

Vai pedalar longe e por várias horas? Proteja-se com um seguro. Conheça aqui o Seguro Bike Registrada e veja as diversas vantagens e coberturas para acidentes e outros casos!

seguro de bike