O peso da bike é um assunto que sempre está presente nas rodas de ciclistas. Afinal, quanto mais pesada é a magrela, mais difícil encarar subidas, aumentar a velocidade e até ter um desempenho melhor nas competições. Por isso, uma dúvida comum é sobre como deixar a bicicleta mais leve para pedalar.

Existem vários pontos que podem deixar a sua bike mais leve ou mais pesada – e nós trouxemos dicas diferentes para você ajustar seu equipamento e melhorar a sua performance. Siga com a gente!

Peso da bike x Performance

O peso da bike é uma preocupação constante na vida dos ciclistas de MTB (mountain bike) e de estrada. E a lógica por trás dessa preocupação não é difícil de entender.

Afinal, quanto mais leve a bicicleta for, mais rápidos serão seus movimentos, o que significa mais velocidade, além de mais facilidade na hora de encarar subidas e outros obstáculos.

Porém, fique atento. Porque não basta apenas deixar a sua magrela mais leve. É preciso também considerar outras características que podem influenciar na qualidade do seu giro, como transmissão de potência, durabilidade, precisão, robustez etc. Itens, esses, que não podem ser comprometidos retirando-se elementos da bike.

Então, antes de se preocupar com o peso geral da sua bicicleta, tente entender de onde vem esse peso, ou seja, de quais itens específicos. As peças móveis são as mais fáceis de substituir, conseguindo uma redução de peso simples e rápida.

Por exemplo: roda, câmara de ar, coroas, trocador, câmbio, canote, selim, cassete, corrente, garfo e quadro.

O que indica se esses componentes são mais leves ou pesados é o material do qual eles são feitos. Já que eles podem ser de aço, carbono, ferro, alumínio etc.

O que mais influencia no peso da bike

Se você perguntar, a maioria dos ciclistas dirá que o principal “vilão” do peso de uma bicicleta é o quadro. Mas isso não é verdade! O que mais influencia é a roda, porque ela é um elemento composto por vários itens (pneu, câmara de ar, fita, raios, disco de freio e cubo) – e cada um desses itens tem seu próprio peso.

A soma de todos eles ditará a qualidade rotacional – a principal função de uma bicicleta. Por exemplo, logo depois de você frear, irá demorar um pouco para retomar a velocidade. Se as suas rodas são mais pesadas, esse tempo de retomada será maior e você perderá performance. Mas se você tem rodas leves, não perderá o embalo e recuperará a velocidade mais rapidamente.

A importância de uma bike leve

Mas, afinal, ter uma bicicleta extremamente leve é assim tão importante? Depende! Se você é um ciclista ocasional e que está praticando por hobby, o peso da bicicleta poderá não ser um fator tão decisivo. É melhor ter uma bicicleta de qualidade, do que extremamente leve.

Contudo, se você é um atleta e está competindo MTB, em provas nas quais é necessário habilidade e rapidez nas trilhas, uma bicicleta leve poderá ser crucial para seus resultados.

Como deixar a bicicleta mais leve para pedalar

Ok, você está competindo e chegou a conclusão que a sua bike pesada está impedindo que você ganhe mais performance e tenha resultados melhores. Então, como deixar a bicicleta mais leve para pedalar? Basta seguir nossas dicas!

Quadro

Ainda que o quadro, como dissemos, não seja o elemento mais pesado de uma bicicleta, ele poderá influenciar bastante no peso final. Se você está pensando em comprar uma bike nova, fique atento ao peso do quadro. Ou se já tem uma bike, poderá trocar o quadro por um de material mais leve.

Em geral, os materiais possíveis para os quadros são:

  1. fibra de carbono: é o “padrão ouro” das bicicletas leves, porém é também um material mais frágil. As melhores bicicletas de corrida, triátlon e de estrada são feitas nesse material;
  2. titânio: é mais forte que o aço, porém pesa bem menos. É uma excelente opção de qualidade para bikes MTB e de estrada;
  3. alumínio: é um material forte e leve, são os quadros comuns da maioria das bicicletas e pode não ser tão interessante para competidores;
  4. aço: é bem resistente e muito presente nas bikes antigas, quando não havia tanta preocupação com o peso.

Rodas

Sendo as rodas o componente que mais influencia no peso da sua bicicleta, elas merecem atenção redobrada. Obter rodas mais leves é mais simples do que trocar o quadro de uma bike antiga e lhe ajudará muito a ter uma magrela mais leve.

Além de reduzir o peso, as rodas mais leves ajudarão na aerodinâmica. Assim, opte por rodas com menos raios e produzidas de materiais mais finos. Por exemplo: rodas de fibra de carbono, rodas tubulares ou rodas aero.

 

Pedivela

As pedivelas com uma coroa podem ser usadas para reduzir o peso da bicicleta. Só que isso acabará lhe deixando com menos marchas.

Caso queira manter a mesma quantidade de marchas, só abaixar o peso da bicicleta, coloque uma marcha extra na parte traseira (cassete).

Guidão

Um guidão aerodinâmico ajudará a melhorar os seus resultados. Os de fibra de carbono ou aerodinâmicos especiais (por exemplo de triátlon) ajudam a amortecer a vibração ao redor das mãos nas estradas esburacadas e reduzem o peso geral da sua bike.

Porém, lembre-se que a fibra de carbono é um material mais frágil e se você levar um tombo poderá acabar com um guidão quebrado.

Pneus e câmaras

As rodas podem ficar ainda mais leves usando câmaras de látex e outros modelos que pesam menos. Porém, as câmaras de látex são mais finas e, como consequência, podem furar com mais facilidade.

Os pneus também podem pesar. Alguns modelos como os da Grand Sports da Continental pesam cerca de 270 gramas (pneu de 25c). Uma opção um pouco mais cara é o Grand Prix 4000 ii que pesa 205 gramas (quase 65 gramas a menos por roda!).

Itens não essenciais

Existem vários itens que colocamos na nossa bike e que podem acabar pesando. Por exemplo: alforjes, faróis, para-lamas, bombas, refletores etc. Mas fique atento porque muitos desses itens estão relacionados à segurança. Se você for pedalar à noite, é melhor ter uma bicicleta segura do que leve.

Outros pontos

Alguns ciclistas profissionais retiram até a pintura para economizar um pouco de peso. Assim como usam manoplas minimalistas, acabamento de trocador de marcha diferenciado e até graxa mais leve.

As roupas aerodinâmicas também ajudam a ganhar mais velocidade.

E, além de tudo isso, também vale à pena emagrecer, pois de nada adiantará uma bike super leve se você estiver um pouquinho acima do peso, não é?

Um bom treinamento também é indispensável, pois mesmo com uma bicicleta levíssima, é a sua força e a sua resistência que tornarão as subidas mais fáceis e farão com que você ganhe mais velocidade.

Agora já sabe como deixar a bicicleta mais leve para pedalar? Contribua com este post: deixe outras dicas nos comentários e ajude os colegas ciclistas!

seguro de bike