Manutenção de bikeModelos de bicicletas

Está pensando em trocar de bike? Saiba quais são melhores opções intermediárias para MTB

Você está pensando em trocar de bike, mas anda com dúvidas, frente a tantos modelos à disposição? Não é problema, separamos algumas opções intermediárias para MTB de destaque, tanto deste ano como novidades, a valores muito atrativos.

Se você quer subir de nível no MTB, não há como escapar da compra de uma nova bike. As peças, geometria, componentes e possibilidades que uma bike intermediárias para MTB entrega são muito mais amplas do que uma de entrada.

Descubra neste post, 5 modelos de bikes intermediárias para MTB que vão garantir ótimo desempenho em treinos e competições!

 

5 bikes intermediárias para MTB com ótimo custo-benefício

1. Scott Scale 970 (2019)

A Scott Scale 970 reserva uma geometria racing e já oferece um peso leve na categoria de MTBs intermediárias — apenas 12.9kg (no tamanho M).

O modelo entrega performance agressiva, o que ajuda bastante se o seu intuito é correr em competições. Os destaques ficam com a transmissão 2×10 Shimano Deore, com câmbio traseiro SLX. A suspensão Rock Shox XC 30 Silver TK com trava remota facilita pedais em subidas.

Por fim, os componentes da marca Syncros, como aros, guidão, mesa e canote, fecham a configuração da Scott Scale 970.

Não há valor sugerido para a Scott Scale 970 no site da marca, mas pela web, você encontra o modelo entre R$5.999 e R$7.999.

2. Canondale Trail 4 (2019)

MTBs intermediárias, Cannondale Trail 4

A Trail 4 entrega a configuração “onde a performance começa”, como a própria marca diz em seu site, na descrição dessa linha de MTBs intermediárias.

O quadro de alumínio de liga leve com caixa de direção cônica e cabeamento interno deixam o visual muito limpo. Além disso, o opcional de quadro em cores cinza fosco ou amarelo dão a vantagem de você escolher entre uma aparência discreta ou chamativa.

Essa bike já vem equipada com configuração 1×11 da Shimano, um padrão que cada dia se mostra mais eficiente para MTBs intermediárias e avançadas. Suspensão Rock Shox XC 30 Silver TK com 100 mm de curso e trava na coroa — parte superior da peça , ajuste de retorno e pressão completam a Trail 4.

Um destaque da Cannondale Trail 4 é oferecer espaço para você usar tanto aros 29 como 27.5 — com pneus até 2.25″ de largura.

Valor sugerido da Cannondale Trail 4, no site da marca: R$5.199.

3. Trek X-Caliber 8 (2019)

MTBs intermediárias, Trek X-Caliber 8

Acabamento, pintura chamativa e peças altamente selecionadas fazem parte da X-Caliber 8, uma das mais completas dessa linha de MTBs intermediárias da Trek.

A X-Caliber 8 vem equipada com quadro em alumínio Alpha Gold, um dos mais leves do mercado, caixa de direção cônica e cabeamento interno. O grupo de marchas 2×10″ com trocadores e câmbio dianteiro Shimano Deore, câmbio traseiro XT e pedivela da Race Face entrega peso reduzido à bike, além de boa performance em trilhas.

Como destaque, o eixo traseiro da bike é do tipo Boost, o que já proporciona usar rodas de competição nesse padrão.

Valor sugerido da Trek X-Caliber 8 no site da marca: R$6.160.

4. Groove Riff 90 (2018)

A marca brasileira está cada vez mais investindo em MTBs intermediárias, de entrada e avançadas, trazendo boas opções para o pedal.

A Groove Riff 90 entrega um dos pesos mais baixos da categoria — 12kg (no tamanho S) —, em uma configuração que já garante bom desempenho em provas. O trocador Shimano SLX e o câmbio traseiro XT em 11 velocidades garantem um visual limpo, além de trocas rápidas e precisas.

A suspensão Rock Shox Recon a ar com espiga cônica e trava no guidão também oferece mais performance e estabilidade à bike, em curvas e descidas. Pneus de kevlar e aros prontos para o sistema tubeless também destacam essa bike.

Não há valor sugerido para a Groove Riff 90, no site da marca, mas pela web, você encontra o modelo na faixa de R$6.690.

5. Sense Impact SL (2020)

MTBs intermediárias, Sense Impact SL

O novo modelo da Sense Impact SL veio totalmente reformulado diante da mesma bike de 2019.

O quadro é de alumínio com cabeamento interno, caixa de direção cônica e eixo traseiro do tipo Boost, o que garante rigidez suficiente para percursos muito técnicos. Na dianteira, a suspensão Rock Shox Judy com 100mm de curso e trava remota também equipa eixo no mesmo padrão.

A transmissão 1×12 do novo Sram SX Eagle é o destaque da bicicleta juntamente com os freios Shimano MT-501, com manetes ergonômicos e alta potência de frenagem.

Valor sugerido da Sense Impact SL no site da marca: R$6.690.

Depois de conferir essas verdadeiras máquinas de trilhas e estradões do MTB, vai ser mais simples fazer sua escolha. Pode ter certeza de que com qualquer dessas MTBs intermediárias o seu pedal terá o rendimento que você quer.

Não se esqueça de:

Registrar sua bike nova na Bike Registrada.

Comprar o Selo de Segurança para ela.

Fazer uma cotação de seguro com a gente!

Artigos relacionados
Manutenção de bike

Diagnóstico de ruídos comuns na bicicleta: guia completo

Pedalar é uma atividade prazerosa, mas nada pode ser mais irritante do que ruídos indesejados…
Leia mais
Modelos de bicicletas

9 melhores bicicletas Audax: de iniciantes para avançados

Quando se trata de escolher a bicicleta ideal, não há margem para erro. A Audax, uma marca que…
Leia mais
ComponentesManutenção de bike

Guia completo de discos de freio a disco para bicicletas: tudo o que você precisa saber

Os discos de freio a disco transformaram a forma como ciclistas de todas as modalidades controlam…
Leia mais
Newsletter
Receba  novidades  do Bike Registrada

Receba toda semana matérias  e novidades do Bike Registrada

16 Comentários

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

× Como posso te ajudar?