Participar de uma competição é viver o verdadeiro espírito do mountain bike. As provas de MTB são pedais desafiadores e testam os limites físicos e mentais de seus competidores. Para encarar uma aventura dessas é preciso se preparar muito, mesmo que a prova seja aparentemente leve!

O Brasil reúne trilhas e cenários perfeitos para competições de MTB. Não é por menos que algumas das principais competições mundiais acontecem no país tropical, e são duras até para atletas de elite como o brasileiro Henrique Avancini.

Você pode não contar com toda a assessoria que atletas como o Avancini tem, mas dá para se preparar bastante seguindo estas 11 dicas para competições de MTB. Confira!

1. FAÇA UM PLANEJAMENTO ANTES DAS PROVAS DE MTB

Depois de fazer a inscrição, pesquise sobre o local onde será feita a prova e, quando puder, visite o espaço. Isso é o conhecido reconhecimento de terreno, que garante uma visão ampliada de como será o desafio na hora em que o “bicho pegar”.

Fique atento também ao horário da prova, para não se atrasar. Se você tiver que viajar para o circuito, pesquise hotéis e lugares bacanas e seguros para se hospedar.

Além disso, veja a estrutura do evento, buscando saber se contará com restaurante, pontos de apoio, equipe médica e tudo o que for seguro para a prova.

2. TREINE COM FOCO NA COMPETIÇÃO

Os treinos preparatórios para competir devem começar no mínimo dois meses antes da competição. Isso serve para acostumar seu corpo a cargas pesadas de pedal, além de também reforçar seu lado psicológico.

Faça um programa que intercale treinos intervalados, de distância, de giro, de subida, regenerativos, e não se esqueça dos dias de descanso.

Além disso, treine por distâncias sempre maiores do que o trajeto total da prova. Isso fará com que seu corpo esteja preparado para uma carga excedente de força, que no dia da prova será muito exigida.

Treinar em terrenos e condições que sejam as mais parecidas com o local da prova, também fará com que você se adapte às dificuldades do percurso facilmente.

3. TENHA UMA ALIMENTAÇÃO ADEQUADA

A alimentação é parte essencial da preparação para provas de MTB. Por isso, dobre a atenção nessa parte.

Faça refeições ricas em carboidratos e proteínas. Assim você obtém a energia e a resistência que seus músculos precisam para aguentar os treinos e competir. Além disso, evite comidas gordurosas e cheias de açúcar, que causam incômodos no estômago.

Evite álcool durante todo o treinamento, e nem pense em beber dias antes da prova. Invista também em frutas e alimentos naturais, para manter o corpo abastecido.

Água e isotônicos são fundamentais para o preparo alimentar, e devem ser tomados em doses altas nos dias de treino, para recuperar o corpo do cansaço, rapidamente.

4. PREPARE A BIKE

O preparo da sua bike é tão importante quanto o seu. Afinal, é junto a ela que você poderá chegar ao pódio.

Faça uma manutenção geral na bike cerca de 15 dias antes das provas de MTB e teste a máquina logo depois, para ver se nada está desregulado ou com problemas.

Você deve realizar a prova com a bicicleta exatamente igual como você pedala em dias de treino. O motivo disso é que você estará com o equipamento ajustado ao seu uso e que não irá exigir sua adaptação, diminuindo chances de problemas.

A exceção de trocas antes de provas de MTB fica para pneus. Pode trocá-los, mas teste-os com bastante antecedência para se acostumar e ver se eles “aguentam o tranco”.

5. SEPARE OS EQUIPAMENTOS

Colocar tudo em cima da cama e ver cada ferramenta, equipamentos e acessórios que você precisa levar é parte de qualquer competição de MTB. Fizemos uma lista aqui de itens que devem ser levados no dia. Veja:

  • kit remendo;
  • 2 câmaras reserva;
  • 1 pneu reserva — de kevlar (dobrável);
  • 2 cilindros de CO2 e bico para uso;
  • bomba de mão pequena;
  • kit multiferramentas;
  • chave de corrente;
  • power link e pino de corrente;
  • luvas;
  • óculos de ciclismo;
  • garrafas de água;
  • isotônicos;
  • mochila de hidratação;
  • géis de carboidrato;
  • barras de cereal;
  • capacete;
  • camiseta e bermuda de ciclismo;
  • sapatilha;
  • celular para garantir as fotos!

Além disso, você deve levar também um conjunto de roupas para usar depois da competição, assim que tomar um banho e tirar a terra do corpo.

Provas de MTB, ciclista mulher

Créditos: PxHere

6. ROMPA AS SUAS PERNAS

Romper as pernas é uma das melhores formas de treinar para provas de MTB e garantir alto rendimento no dia de competir.

Quando falamos em romper, não quer dizer “arrebentar” os seus membros que tanto te ajudam a dar mais velocidade nos pedais. Mas, sim, a fazer com que elas trabalhem na maior intensidade, poucos dias antes da prova.

Esse rompimento deve ser feito no mínimo a sete dias da data da competição, com a única regra de ser o pedal mais desgastante possível. A escolha do local fica ao seu critério: subidas, curvas, trechos técnicos podem ser incluídos à vontade.

Esteja preparado e encare o desafio, pois esse rompimento das pernas vai fazer com que os seus músculos tenham uma prévia do que acontecerá na prova de MTB.

Com o prazo mínimo entre esse treino e a competição, as fibras musculares vão se recuperar bem. Garantindo mais performance e resistência na data.

7. FAÇA TREINOS SUAVES NA SEMANA DA COMPETIÇÃO

Se na semana anterior você deve fazer o treino mais pesado possível para romper as suas pernas, durante a semana precisa descansá-las.

Para isso, treine no máximo três vezes durante os sete ou oito dias antes da prova, de forma bem suave. Nada de desgastar o corpo pegando subidas longas e pedalando contra o vento durante várias horas.

O ideal é garantir que os seus músculos e a sua habilidade em pedalar se mantenham mais consistentes. E para isso, apenas a manutenção do treino é exigida, e não a alta performance.

Fazer treinos de no máximo 1h em trechos já bem conhecidos, e manter a cadência equilibrada o maior tempo possível vai te garantir uma boa preparação antes das provas de MTB.

8. DURMA MUITO BEM PARA SE RECUPERAR

O sono tem o papel principal de regenerar corpo e mente para que você encare o outro dia com muita disposição. E quando você dorme mal, já sabe que o efeito é ficar estragado um dia inteiro.

Quando dizemos dormir bem não significa necessariamente que tenha que fechar os olhos e não os abrir por oito horas. Há pessoas que têm sonos mais curtos do que isso e conseguem se recuperar legal.

Entretanto, apesar de uma noite bem dormida ter um padrão de oito horas para a maioria das pessoas, sempre tome por base o seu tipo de sono.

Para garantir um bom sono, invista em um colchão de boa qualidade, deixe o quarto totalmente escuro quando for se deitar e evite olhar o celular. Além disso, garantir que o ambiente esteja com uma boa temperatura e bem quieto vão te ajudar.

9. FAÇA PARCERIAS COM OUTROS COMPETIDORES

Pode parecer que isso é contra a “regra do jogo” das provas de MTB, que é vencer os seus adversários na pista. Porém, essa dica simboliza o mais puro espírito do mountain bike e melhora o clima para a competição.

Explicamos: fazer parcerias com outros competidores vai te ajudar em vários sentidos, desde trazer mais segurança a conhecer outros parceiros de pedal para toda a vida.

Então, primeiro busque as pessoas que você já conhece e que vão competir as mesmas provas que você. Mas, se ninguém conhecido vai encarar o mesmo desafio, encontre ciclistas em grupos no Facebook e WhatsApp e em lojas.

Juntos, vocês poderão treinar, rachar a gasolina para chegar ao local, preparar as bikes para a viagem e garantir histórias de viagens rumo às provas. Assim como o pedal em grupo, ter pessoas próximas na hora de competir vai trazer boa segurança e motivação.

Inclusive, essa é uma das melhores formas de deixar as provas de MTB mais econômicas. Pois, alugar casas, quartos de hotel e fazer o rango em restaurantes, em grupo é, muitas vezes, mais vantajoso do que só.

10. FAÇA UMA SIMULAÇÃO DO PERCURSO DA PROVA DE MTB

Não são todas as provas de MTB que permitem o famoso reconhecimento de percurso, que nada mais é do que conhecer a área da prova antes de fazê-la. Porém, algumas competições deixam os pilotos fazerem um pedal assim, dias antes de correr.

Esse é um momento importante para qualquer ciclista, porque vai trazer mais detalhes do trajeto. Funcionando como um empurrãozinho para você pedalar melhor e mais confiante, antes de colocar os pés nos pedais para valer.

Lembre-se de todos os locais em que você pedalou pela primeira vez e depois voltou por mais algumas vezes. O trecho já fica mais previsível, certo? Isso se chama segurança, e é um dos principais elementos que ajudam a trazer a medalha de ouro.

11. GARANTA A SEGURANÇA E A TRANQUILIDADE SEMPRE

Já falamos tanto em segurança neste post que esse tema deveria ter um tópico exclusivo sobre ele.

Pois bem, muito adiante do seu capacete, óculos, protetor solar, bicicleta revisada e itens de reserva como a câmara e o kit remendo, a segurança envolve incidentes.

Quando falamos em provas de MTB, alguns dos primeiros riscos que fazem parte desse mundo competitivo são os acidentes e quebras de peças. Mesmo que você esteja altamente treinado e com a bike em dia, eles podem acontecer.

Porém, outros acontecimentos indesejados podem aparecer em viagens para competir ou mesmo durante a competição, estadia etc. Entre eles, o roubo e o furto de bikes.

A brecha para que isso aconteça: muitos ciclistas concentrados em um local, bikes dos mais variados níveis e seus respectivos valores de mercado.

Por isso, logo depois de se inscrever para competir, é ideal fazer um seguro de bike — se você ainda não tem um. O serviço vai trazer mais tranquilidade para quer você saia e volte para casa com a garantia de que se algo acontecer, terá a cobertura.

Veja as coberturas que melhor atendem ao seu perfil, pois, se está competindo, precisa de algo em âmbito nacional e até mesmo internacional, como o seguro da Bike Registrada.

Fora essas dicas, você deve dormir cedo no dia antes da prova, para acordar disposto e pronto para o pedal. Também não se esqueça de bater uma água na relação de marchas e nos pneus depois das provas de MTB, para não sujar o seu carro ou o do seu amigo!

Ajude mais ciclistas a se prepararem para competições. Compartilhe este post em suas redes sociais!

seguro de bike