Uma ocorrência muito comum no Brasil, e que deixa qualquer ciclista chateado, é o roubo de bicicleta. E, com o aumento do número de ciclistas, as estatísticas de roubos também não param de crescer.

Em São Paulo — cidade que lidera o ranking de roubos de bicicletas no país —, um roubo era registrado a cada meia-hora, de janeiro a setembro de 2016, de acordo com informações da Secretaria da Segurança Pública (SSP).

Diante de uma situação dessas, o ciclista precisa manter a calma e não colocar a sua vida em risco. Afinal, por mais favorável que pareça a situação, lembre-se que qualquer sinal de reação pode fazer com que os bandidos se sintam ameaçados.

Além disso, é preciso saber o que fazer nessas situações, para poder tomar as medidas necessárias e recuperar a bicicleta. Então, para te ajudar com isso, trazemos neste post o que deve ser feito antes, durante e depois do roubo de bicicleta. Continue lendo e confira!

O que fazer antes do roubo

Sem dúvida, a prevenção é o melhor remédio. Por isso, assim que você for comprar sua bicicleta, peça ao lojista informar o número de série da bike na nota fiscal. Caso já tenha comprado sua bicicleta, veja se é possível tirar uma segunda via da nota com essa informação impressa.

Possuir essas informações em casa é essencial para poder recuperar a sua bike, posteriormente, em caso de roubo ou furto.

Além dessa, outras atitudes são importantes para prevenir possíveis roubos. Evite divulgar o número de série de sua bicicleta, por exemplo — principalmente em sites e aplicativos de origens duvidosas.

Ainda, para ficar mais fácil de identificá-la, crie provas de que a bicicleta é sua. Nesse caso, uma maneira inteligente é colocar um desenho, um adesivo ou uma frase dentro da bike, de forma que só o dono (você) possa identificar sua localização.

O que fazer durante o roubo

Caso você tenha a impressão de que está sendo seguido por alguém, é preciso ter em mente um “plano de fuga”. Isso porque, muitas vezes, o ciclista acaba se desesperando e atropelando um pedestre, causando mais prejuízos e problemas para a situação.

Então, tente localizar um carro ou cabine da polícia e informar a perseguição. Se, antes disso, você for abordado em um assalto, lembre-se de manter a calma e entregar a bicicleta. Aqui, a dica principal é não tentar fugir ou reagir: a sua vida é mais importante do que a bike.

Inclusive, os bandidos já estão acostumados com esse tipo de situação, e sempre atacam em bandos. Isso significa que, provavelmente, haverá um comparsa dando cobertura para a abordagem.

Logo, reagir não te impedirá de perder a bicicleta, e ainda colocará sua integridade física em risco. Até porque, lembre-se, você possui todas as informações necessárias para conseguir recuperá-la.

O que nos leva para as nossas próximas dicas:

O que fazer após ter a bicicleta roubada

Depois do roubo, o primeiro passo a ser dado é ir a uma delegacia mais próxima e registrar um boletim de ocorrência. Nessa hora, lembre-se de forneccer todas as informações necessárias para a identificação da bicicleta e dos assaltantes.

Informações como número de série, cor, modelo, aro e quaisquer outras características que possam identificar a bike serão essenciais. Assim como a descrição do incidente, localidade, hora, descrição dos bandidos, nome da rua etc. Com esses dados, a polícia fará o trabalho dela.

Agora, para aumentar as chances de recuperar a sua bicicleta, vale a pena não depender só da ajuda do estado.

O Bike Registrada é um serviço que tem como objetivo auxiliar os ciclistas a encontrar suas bicicletas. Nele, você poderá registrar as características da sua bicicleta, o número de série e outras informações que comprovem que você é, de fato, o dono dela.

A partir daí, centenas de lojistas, comerciantes, ciclistas e policiais terão acesso a essas informações. Então, caso a sua bicicleta seja encontrada, será muito mais fácil entrar em contato com você e devolvê-la.

Além disso, outra forma de recuperar a sua bicicleta é criar um vídeo, e pedir para que seus amigos, colegas e conhecidos o compartilhem em suas redes sociais.

Foi o que fez Dan Maia, depois de ter sua bicicleta roubada em um condomínio no bairro Batel, em Curitiba — que, inclusive, está no topo do ranking das cidades com mais incidências de roubos de bicicletas.

O ciclista teve acesso às câmeras de segurança do lugar e, em posse dessas imagens, montou um vídeo e o postou na plataforma do YouTube.

O vídeo logo se tornou viral, alcançando mais de 150 mil compartilhamentos, e isso permitiu que a sua bicicleta fosse encontrada, 4 dias após a publicação do caso e das imagens.

O que fazer para se prevenir de um roubo de bicicleta

Por fim, ainda há algumas atitudes que podem ser tomadas com o intuito de evitar que a sua bicicleta seja furtada.

Evite estacioná-la em locais públicos, e sempre tranque a sua bicicleta adequadamente para que ela não seja levada por alguém. Caso você esteja indo pra praia, considere levá-la para a areia com você — há muitos relatos de roubos de bike nesses bicicletários.

Além disso, fugir de lugares mal iluminados e com pouca movimentação também é uma dica válida. E evite, ao máximo, pedalar após as 22 horas. Caso já seja tarde da noite, e você esteja sozinho, veja se há a possibilidade de deixar a bicicleta em algum lugar, e vá pra casa de ônibus, metrô, ou até de taxi.

De qualquer forma, ao pedalar, esteja sempre alerta, principalmente ao passar por regiões consideradas “áreas de risco”. E, se a sua bike for mais cara, considere realizar um seguro! Dessa forma, será bem mais fácil recuperá-la, caso algo aconteça.

Enfim, gostou do post? Então, agora que você já sabe o que fazer antes, durante e depois de um roubo de bicicleta, aproveite para nos seguir em nossas redes sociais e fique por dentro de mais dicas como essas: estamos no Facebook, Instagram, Twitter e YouTube!