Numa rápida olhada, elas se parecem com uma bicicleta de estrada, mas prestando atenção, dá para perceber os pneus largos e os freios a disco. Estamos falando das gravel bikes, uma categoria muito nova no Brasil e que já conquista ciclistas iniciantes e veteranos a cada dia.

No mercado europeu, as gravel bikes são famosas há anos, mas por aqui, elas chegaram com força a partir deste ano.

Conheça tudo sobre as gravel e o porquê estas bicicletas feitas para aguentar estradões e asfaltos longos, conquistaram espaço de respeito no ciclismo!

O que são gravel bikes?

As gravel bikes são bicicletas que apresentam uma geometria e configuração de peças que oferece desempenho tanto no asfalto quanto em trilhas.

Claro que não é qualquer trilha que pode ser desafiada em cima de uma gravel, dada suas limitações. Mas, como o próprio nome diz em inglês “gravel”, quer dizer cascalho, e estas bicicletas enfrentam percursos que em uma bike de estrada seriam impossíveis.

O que você precisa saber é que estas bikes têm design e peças que oferecem mais conforto do que uma estradeira, sem perder rendimento no asfalto ou na trilha. E na terra é onde elas se soltam, já que não são tão pesadas como uma mountain bike. Assim, elas têm respostas rápidas a pedaladas agressivas em terrenos cascudos!

Como é uma gravel bike?

Uma gravel bike possui configuração semelhante a uma bike de cyclocross, porém com ligeiras diferenças. A começar pela geometria, que tem maior distância entre eixos, caixa de direção com ângulo ‘relaxado’, e chainstays compridos. Tudo isso dá mais conforto e estabilidade a gravel bike, tanto para desenvolver velocidade no asfalto como no cascalho e terra, sem sofrer.

Além destas características, as gravel são dotadas de garfo rígido, freios a disco — mecânicos ou hidráulicos — e pneus largos, que chegam à medida de 700×42. Fora esses principais pontos que fazem da gravel uma devoradora de asfaltos e trilhas, elas contam com guidão drop, bem abertos na área dos manetes de freio.

Quanto à relação de marchas, não há uma específica que caracterize uma gravel bike. Pode ser 2×10, 2×11, 1×11, e assim por diante; o que importa é que ela funcione com bom desempenho em terrenos íngremes, retos, descidas e circuitos travados!

Outra característica marcante das gravel são as furações no quadro. Elas garantem a instalação de muitos bagageiros e suportes de caramanhola — já deu para perceber que elas são ótimas para cicloviagens?

Quais são as vantagens de uma gravel bike?

  • Tem baixo peso.
  • Contam com relação de marchas para rodar em estrada, trilha, e cidade.
  • São mais robustas que bikes de estrada, e mais leves que mountain bikes, oferecendo ao mesmo tempo, desempenho, conforto e diversão.
  • Suportam muitos bagageiros e alforjes.
  • São excelentes para cicloviagens.
  • Tem custo-benefício vantajoso se comparada com uma bicicleta exclusiva para MTB ou estrada.

As gravel bikes já são tendência no mercado brasileiro?

Ainda que distante do mesmo cenário internacional, o mercado brasileiro já conta com máquinas de diferentes marcas, adequadas ao perfil do ciclista brasileiro. A exemplo da Guará, uma gravel bike nacional que já compete de igual com muitas importadas.

A Guará é uma gravel bike feita pela Dinâmica Bicicletas, do engenheiro mecânico Vinicius Villas Boas, ciclista que criou o projeto em 2016.

Além da Guará ser uma gravel bike que já conta com componentes de excelente nível, ela é uma bicicleta artesanal feita sob medida, por encomenda. O quadro de aço manganês é feito pelo próprio Vinicius, o que garante uma bike personalizada.

A Guará pode ser configurada de acordo com o cliente, e seu modelo básico, que já é robusto, sai por R$ 4890, o que agrega um bom custo-benefício à bike. E o modelo ainda tem garantia vitalícia para o quadro!

Além de todas as vantagens técnicas da Guará, ela já sai de fábrica com o selo Bike Registrada. O que já coloca a bike no maior sistema de cadastro de bicicletas do Brasil, e garante a prevenção contra roubos e furtos.

Conheça mais sobre a gravel bike Guará, da brasileira Dinâmica Bicicletas, parceira do Bike Registrada.

Ágeis, confortáveis e divertidas, as gravel bikes são cada vez mais bem aceitas pelos ciclistas brasileiros. Já que os asfaltos daqui são bem ruins, e sempre tem um passeio na trilha marcado para o fim de semana, nada melhor do que uma bike que encare os dois desafios!

Portanto, se você busca uma bicicleta que topa qualquer aventura, mas não larga a mão de desempenho, as gravel bikes são uma escolha justa. Além disso, as gravel são excelentes para cicloviagens, por isso, antes de pegar sua ‘bike pra cascalho’, confira nosso artigo especial sobre bikepacking, um estilo de viagem sob a magrela, muito diferente!

Fonte da imagem: Dinâmica Bikes