Escolher sua primeira bicicleta para mountain bike é animador, já que ela vai trazer diversão e saúde. E por que o mercado do ciclismo oferece cada vez mais opções, decidir qual será a melhor escolha leva tempo para pensar e conhecer cada magrela. Se você está entrando no MTB e busca um modelo com boa configuração e custo-benefício, não perca este artigo.

Antes de começar a pensar no modelo de bike para praticar mountain bike que você quer comprar, avalie o uso que você pretende fazer dela. Assim, fica fácil escolher uma que não seja simples a ponto de te deixar na mão, ou avançada para ser “muita bike para suas pernas”.

4 sugestões para comprar a sua primeira bicicleta para mountain bike

Para ajudar você na escolha da sua primeira bicicleta para mountain bike, selecionamos 4 modelos de entrada. Todas oferecem boas peças e vantagens a um custo baixo, que garantem principalmente sua segurança e conforto no pedal.

1. Caloi Explorer Sport (2018)

A Caloi Explorer Sport é o modelo de entrada para mountain bike, da marca nacional mais famosa do mundo das bikes no país.

O conjunto de peças que equipam a bike já apresenta quadro de alumínio, suspensão dianteira e freios a disco. Esse trio é um padrão mínimo para enfrentar, sem problemas, pedais na cidade e em trilhas leves.

Além disso, essa Caloi também usa o sistema de marchas de 21 velocidades da Shimano, que permite trocas com um clique nos passadores. Fora esses atributos, as rodas da bike são aro 29, que garantem bom desempenho para passar com facilidade por obstáculos, além de ganhar velocidade rapidamente.

Valor sugerido no site da Caloi Explorer Sport: R$ 1649,00

2. Sense One (2019)

A Sense One é a mais nova bicicleta para mountain bike, da empresa sediada em Manaus (AM) que vêm apresentando bons modelos do nível iniciante ao avançado.

A configuração da One possui conjunto de 21 marchas da Shimano, e suspensão RST de 100mm de curso. Além disso. o quadro é de alumínio e com o diferencial de ter duas opções de cores: preto com amarelo e azul, ou preto com laranja e azul claro.

Os freios da Sense One são a disco mecânicos, e os pneus são da marca chinesa Chaoyang, com cravos baixos — ideais para passeios também na cidade.

Valor sugerido no site da Sense One: R$ 1990,00

3. Groove Hype 50 (2018)

A Groove Hype 50 é a oferta dessa marca nacional para quem quer começar a se aventurar nas trilhas.

O conjunto de peças é equilibrado e conta com grupo de marchas e freios a disco mecânicos Shimano, suspensão de 80mm de curso com trava, e aros 29, de alumínio. As rodas e o canote desse modelo também possuem blocagens, que ajudam na hora da manutenção!

Além disso, a Groove Hype 50 possui A pedivela em tamanhos de acordo com a numeração do quadro. Ou seja, para quadros pequenos, o braço da peça é mais curto, e para quadros grandes, mais longo. Assim a bike fica ajustada ao biotipo do ciclista.

Valor sugerido no site da Groove Hype 50: R$ 2199,00

4. Oggi Big Wheel 7.0 (2018)

A Oggi Big Wheel 7.0 já tem uma configuração que atende muito bem pedais leves, e garante passeios em trilhas de níveis leve e moderado.

Alguns diferenciais reforçam a bicicleta para mountain bike da marca, como o grupo de marchas Shimano Altus, suspensão com trava no guidão, e freios a disco hidráulicos. Essas peças ajudam muito na hora de pedais mais fortes, poupando esforço físico.

Além disso, a caixa de direção da Oggi Big Wheel 7.0 é do tipo cônica (mais larga), o que assegura mais rigidez na hora de guiar a bike por qualquer terreno. Outro ponto interessante é que esse modelo possui várias cores, para agradar homens e mulheres!

Não há valor sugerido no site da Oggi, mas o custo médio do modelo Big Wheel 7.0 é de R$ 2499,00.

Vale lembrar que o peso de bikes de entrada ficam em torno de 13kg a 14kg, por terem peças mais simples. Além disso, veja sempre a garantia de quadro e demais componentes no site de cada marca. Assim você garante a compra de sua primeira bicicleta para mountain bike com mais confiança!

Já que você vai comprar sua primeira bicicleta para mountain bike em breve, é importantíssimo ter em mente que a segurança deve estar sempre em primeiro lugar. Por isso, recomendamos a leitura desse artigo com dicas básicas para iniciantes no MTB!

Fonte: Nick Fullerton